ONÇA PINTADA ATERRORIZA MORADORES ÀS MARGENS DE IGARAPÉ EM RIO BRANCO

Posted on
  • 30 de dezembro de 2011
  • by
  • ARTE É VIVER
  • in
  • A região do Igarapé São Francisco, apesar de ser habitada por invasores, e margear o bairro Mocinha Magalhães e o conjunto Universitário, é considerada uma reserva ambiental
     Não bastasse a enchente do Igarapé São Francisco que transbordou de ontem (03) para esta quarta-feira (04), inundando dezenas de quintais e casas, (região do antigo Distrito Industrial), os moradores que residem às margens do manancial se dizem amedrontados com uma onça pintada, segundo contam medindo aproximadamente 2m, circundando as redondezas e causando medo nas pessoas.
    Onça pintada aterroriza moradores das
    redondezas do igarapé São
    Francisco/Foto: Ilustração
    

    Há dias relatam, ouviam apenas os esturros do felino mas nunca chegaram a ver o animal, no entanto, na madrugada de hoje por volta das 03h, ouviram o latido dos cães e ao observar de que se tratava, era uma onça pintada que se aproximava de um galinheiro de uma das casas.

    “Os meus cachorros latiam muito. Pensei que fossem os homens da Defesa Civil vindo nos ajudar na alagação. Quando vi aquele bicho enorme, gritei pelo meus vizinhos para ajudar. Os cachorros acuaram a bichona e ai ela entrou no mato e sumiu. A dias esse bicho vem esturrando por aqui. Agora ta todo mundo com medo”, relatou o autônomo Josivan dos Santos.

    “Depois que esse bicho começou a esturrar por aqui por perto toda noite eu não deixo mais meus filhos saírem sozinhos por nada desse mundo”, disse a senhora Rosalina Paiva.

    A região do Igarapé São Francisco, apesar de ser habitada por invasores, e margear o bairro Mocinha Magalhães e o conjunto Universitário, é considerada uma reserva ambiental e não há registros pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente –IBAMA, de animais de grande porte vivendo nas redondezas.

    Por ser ainda uma área que está praticamente encoberta pela água e lama, a nossa reportagem esteve no local onde os moradores afirmam ter visto o animal, não foi possível encontrar nenhuma pegada do felino.

    Fonte: contilnet

    0 comentários:

    Postar um comentário

    ISSO É POLÍTICA DE VERDADE

     
    Balanço Geral (c) 2011